Casas Brancas onde o céu encontra o mar – Boca no Mundo
Home » Viagem » Casas Brancas onde o céu encontra o mar
03 de agosto de 2016

Casas Brancas onde o céu encontra o mar

Respire fundo e deixe o céu entrar na varanda, mirando o ponto onde ele abraça o mar. Ouça as gaivotas cantando em rasantes, parceiras do vento. Navegue pelos barcos pesqueiros e repare: com a visita do sol é possível ver, lá de cima, as pedras no fundo do mar na Baía da Armação.

Esparrame-se na espreguiçadeira, ou se acomode na hidromassagem e deixe Búzios invadir a suíte. Se você trouxe algum problema, ele está prestes a ser desintegrado – by the way, há uma garrafinha de champagne no frigobar.

Oásis de luxo no melhor sentido da palavra – que inclui conforto, beleza, paz de espírito e comida maravilhosa -, a Casas Brancas Boutique Hotel & Spa conta belas histórias da adorada península na Costa do Sol Fluminense, guardadas em cada quadro, móvel ou peça de decoração encontrados nos recantos da construção de alma mediterrânea, onde branco é a cor mais quente.

Alô, Iemanjá

A ideia aparentemente sem pé nem cabeça de passar um fim de semana em Búzios sem sair do hotel, acreditem, ganha corpo quando o sujeito se encontra enfeitiçado pela paisagem na piscina, após um gole no drinque Quilombola (cachaça envelhecida, purê de cajá com aroeira, marmelada de carambola, frappé de café e cacau torrado) e uma garfada no ceviche de dourado com sorbet de pimenta dedo-de-moça e crocante de tinta de lula.

Portas de entrada para o 74 Restaurant, cozinha extraclasse do argentino Gustavo Rinkevich, novidade da Casas Brancas e provavelmente o melhor restaurante de Búzios – em concorrência caseira com o Rocka Beach Lounge, na Praia Brava, do mesmo grupo e chef. Deles falarei melhor em outro post.

Mas não vamos, caro leitor, renunciar ao encontro, um beijinho que seja em Iemanjá. Desça pela escada que leva à entrada exclusiva de hóspedes na Orla Bardot, vire à direita e siga beirando o mar através dos Ossos, em pouco minutos, à beleza das praias Azeda e Azedinha. Vale um pôr-do-sol. Se a ideia é badalar, pelo caminho inverso chega-se em cinco minutos à Rua das Pedras, o coração do agito.

Fator Caymmi

Antes de fazer a Brigitte Bardot e se entregar às tentações do balneário (atualmente mais sofisticadas), opções para relaxar não faltam no Spa do hotel, com salas de massagens e yoga de janelas abertas para a orla, aulas de tai chi chuan e cardápio que inclui shiatsu, ayurvédica, tui-na, shirodhara, aromaterapia, pedras quentes e outros regeneradores de corpo e alma. Vale o aviso: quem não está hospedado também pode desfrutar do ‘bem bom’ em distintos pacotes.

Aos hóspedes, a terapia prossegue nos quartos, diferentes entre si em arquitetura e decoração, unindo clássico e contemporâneo nos móveis, abajures, fotografias e nas telas confortantes da artista plástica Milu, que mora e pinta em Búzios. A cama oferece lençóis de algodão 230 fios e travesseiros de pluma de ganso, e cada suíte conta com ar condicionado, Wi-Fi, TV de LCD com canais a cabo e opções de DVDs, secadora de cabelo e, senhora tentação, uma cafeteira Nespresso com coleção de cápsulas.

Na suíte 16, uma das duas recém-inauguradas na mais alta categoria do hotel, o projeto em tons de azul e branco do arquiteto Santiago Leal contempla uma piscina que começa na área interna do quarto e o liga à varanda privativa com vista para o mar.

Sempre ele, sempre à frente dos olhos, levando à Casas Brancas o que eu chamo de Fator Caymmi: cercado de luxos mil, o espírito relaxado compreende que, no fundo, a razão de tudo é o mar. Em seu balanço, em suas mudanças de cor, na imensidão que termina além do que se vê. Ele que faz o tempo caminhar sem motivo ou intenção.

A onda do mar leva, a onda do mar traz. Quem vem pra beira do mar, ai, nunca mais quer voltar…

Reservas e informações através do site: www.casasbrancas.com.br.

Casas Brancas Boutique Hotel & Spa. Rua Alto do Humaitá 10, Armação dos Buzios, Centro, RJ. Tel.: (22) 2623-1458.




Nossa Casa

 

Se você não faz fotossíntese, veio ao lugar certo.

 

Boca no Mundo é o blog do jornalista Pedro Landim.

 

Um lugar para quem adora comer, beber, cozinhar, e falar de comida.

 

Sejam muito bem-vindos.