Caminho Natural – Boca no Mundo
Home » Restaurantes » Caminho Natural
03 de maio de 2016

Caminho Natural

Quem se acomoda na mesa comunitária de madeira e vê a moça descendo as escadas de short azul marinho e camiseta branca, imagina estar diante de uma jovem estudante carioca em busca de comida saudável com personalidade e sabor. É quase isso. Na flor dos 22 anos – e há muitas flores nos pratos -, a chef Nathalie Passos cansou de ostentar o dolman da profissão e recebe como se estivesse no lar. Está, na verdade. Tanto que levou seus livros e objetos pessoais às estantes do Naturalie Bistrô, casa de dois andares em Botafogo, no Rio, onde pratica a cozinha vegetariana que lhe garantiu indicações e prêmios no primeiro ano de vida do restaurante.

Pratos como o hambúrguer feito de triguilho, cenoura e azeitonas, com folhas de brócolis saídas da caixa defumadora dão pistas da culinária de Nathalie. E ela resume seu estilo na resposta à pergunta provocativa do repórter, querendo saber se a cozinheira, avessa às carnes, resiste à divina barriga de porco feita pelo namorado, o chef Alberto Landgraf, que deixou o paulistano Epice, hoje fechado, e abrirá nova casa no Rio, ficando mais próximo de sua musa.

“Não resisto. Sou a verdadeira boa de garfo e nunca fui vegetariana. Como de tudo desde criança, mas hoje cozinho e sirvo o que amo e acredito, os ingredientes que fazem sentido para mim”, diz.

A revelação veio na ensolarada Califórnia, onde a ex-frequentadora da Praia do Pepê, na Barra da Tijuca – ponto historicamente ligado à alimentação saudável -, aprendeu a plantar, colher e cozinhar seus vegetais, após obter o primeiro lugar da turma no Natural Gourmet Institute for Health and Culinary Arts, em Nova York.

Na cozinha do Bistrô, animais não têm vez, apenas os derivados queijo e ovo. A horta própria, no interior do estado, já fornece brotos, ervas e legumes como cenoura e tomate, o preferido: “Como inteiro, que nem maçã, e às vezes almoço apenas tomate”. O produto se transforma em molho que cozinha por seis horas e vai tanto na lasanha de abobrinha, que se tornou carro-chefe, como na tartelete salgada, pratos que são campeões de pedidos no Naturalie.

Aprenda aqui a receita da Lasanha de Abobrinha do Naturalie Bistrô

O caminho de Nathalie entre as panelas começou a ser traçado aos 18 anos, na faculdade de gastronomia da Estácio de Sá. Pelo avesso, digamos. “Me decepcionei com o foco no comercial, que ensinava a vender comida como se fosse sapato. Pensava no que poderia ser bom para as pessoas. Nada aprendi também sobre orgânicos, e a relação com os produtores”.

Da leitura de autores como Michael Pollan e Dan Barber ao aeroporto foi um pulo. Aos 20 anos, Nathalie chegou a estudar e trabalhar em dois restaurantes ao mesmo tempo na Big Apple, como o Pure Food and Wine, onde serviu Bill Clinton e outras celebridades.

Em Mendocino, na Califórnia, atuou como voluntária em feiras orgânicas e experimentou liberdade para criar no restaurante Ravens. “Passei a compreender a comida de outra forma. Mergulhei fundo, era a última a ir embora”, conta.

Foi quando o pai, empresário e administrador que já havia tentado demovê-la dos planos culinários, preocupado com a pressão das cozinhas profissionais, ligou para dizer que havia encontrado a casa perfeita para o restaurante.

“O Rio foi por muito tempo carente de bons vegetarianos”, afirma a chef, que tem nos fogões a companhia da mãe, também cozinheira. É a família Naturalie.

Nathuralie Bistrô. Rua Visconde de Caravelas 11, Botafogo, Rio de Janeiro. Tel.: (21) 2537-7443

*Matéria publicada na Revista Gula.




Nossa Casa

 

Se você não faz fotossíntese, veio ao lugar certo.

 

Boca no Mundo é o blog do jornalista Pedro Landim.

 

Um lugar para quem adora comer, beber, cozinhar, e falar de comida.

 

Sejam muito bem-vindos.