Bloody Mary com frango dentro – Boca no Mundo
Home » Bar » Bloody Mary com frango dentro
23 de novembro de 2016

Bloody Mary com frango dentro

Fico imaginando Ernest Hemingway, ou melhor, Jean-Paul Sartre no Harry’s New York Bar de Paris, no início do século 20 – possível palco da invenção do Bloody Mary -, recebendo no balcão o abalo existencialista de um Chicken Fried Bloody Beast.

Onde foi que nós erramos? Acho que a pergunta não cabe em bares e lanchonetes norte-americanas. É isso mesmo que você está vendo. O Sobelman’s Pub and Grill, em Milwaukee, meteu um frango inteiro (frito em imersão) como, quem sabe, enfeite de seu bloody mary.

Mas a ave não está sozinha. O drinque na jarra continua com queijo, salsichas, picles, azeitonas, cebolas, cogumelos, aspargos, camarões, limão, couve de bruxelas, tomates, aipo e bolas de queijo com pimenta jalapeño enroladas em bacon. A casa anuncia que 10% da venda vai para a Hunger Task Force, programa de combate à fome.

Todos os drinques a R$ 25 no World Class Drink Festival

Em Vancouver, o bar The Score on Davie corre atrás do prejuízo oferecendo o The Checkmate Caesar (foto acima), um singelo bloody mary com frango assado, hambúrguer, pulled pork, onion rings, asas de frango, ‘mac and cheese’ e um brownie que me pareceu um pouco carente de amigos no contexto. A estimativa é de 5.000 calorias, ao preço de 60 dólares, e fica pronto em 20 minutos.

No O’Davey’s Pub & Restaurant, em Wisconsin, o Milwaukee Brewers Bloody Mary inclui em sua árvore natalina uma coleção com nachos, salsichas, hambúrguer, amendoim, picles, pretzels e – tchan-tchan! – pipoca com tira de bacon.

Sentiu falta da maresia? Em Michigan, o The Cove mergulha uma cavala defumada no Chubby Mary, além de fatias de limão, picles e azeitonas recheadas com pimentão. Mixologia avançada.

Já está seguindo o delicioso Instagram de Boca no Mundo?

Curta também no Facebook, com notícias diárias do mundo da gastronomia




Nossa Casa

 

Se você não faz fotossíntese, veio ao lugar certo.

 

Boca no Mundo é o blog do jornalista Pedro Landim.

 

Um lugar para quem adora comer, cozinhar, viajar e falar de comida.

 

Sejam muito bem-vindos.